77 porcento dos brasileiros tem celular

Números de uso de celular no Brasil – 2018

IBGE pesquisou os números de uso de celular e informou, no dia 21 de fevereiro, que 138 milhões de brasileiros possuem o aparelho no Brasil. Isto representa 77,1% da população com idade acima de 10 anos.

A pesquisa demonstra que a posse de celulares e o uso que os brasileiros fazem dele são questões comportamentais fundamentais em qualquer definição estratégica para seus negócios.

Sua empresa está conectada com este mercado? Você sabe como seus clientes acessam a sua empresa por meio do celular?

O senso também apresentou outras informações altamente relevantes para quem tem pequenos negócios no Brasil:

  • Celular está presente em 46,7 milhões de domicílios, sendo o único meio utilizado para acesso a internet em 38,6% das residências com acesso
  • Entre os usuários de celular, 78,9% acessavam a Internet por meio do aparelho.

Posse de celulares no Brasil por faixa etária em 2018

Ou seja,

  • 39,8% das pessoas entre 10 e 13 anos possuem celulares;
  • 70% as que tem entre 14 e 17 anos;
  • 88,6% entre as de 25 e 34 anos;
  • 88,2% entre as de 35 a 39 anos;
  • acima de 39 anos o percentual diminui até chegar em 60,9% entre os acima de 60 anos.

Posse de celulares por sexo:

  • 65,5% Mulheres
  • 63,8% Homens

O celular é o principal local de acesso à internet da maioria das pessoas que estão conectadas, 94,6%. Você sabe quais as outras formas de acesso mais comuns?

  • 63,7% dos internautas utilizam computadores
  • 16,4% tablets
  • 11,3% televisões

A forma como as pessoas usam o celular no Brasil influencia diretamente em como você se comunica com o seu público-alvo. Quer saber o motivo?
Somos especialistas em pequenas empresas, gestores de projeto de PGP, parceiros do ZOHO e utilizamos WordPress como plataforma para web sites e eCommerces. Conheça nosso portifólio.

Para acompanhar mais notícias e dicas para pequenas e médias empresas sigam a Top Minds em suas redes sociais:
Facebook  |   Instagram

 

Leia também: Não é só a crise que afeta as vendas.